Grupo de Oração São Vicente.

Seja bem vindo ao blog do Grupo de Oração São Vicente. O grupo de oração da Renovação carismática em Brasília DF.

Maria: Virgem e Mãe

agosto 12th, 2013

75-destaque-noticia
Existem vários títulos da Virgem Maria que poderiam ter sido trabalhados nesse texto, mas hoje iremos nos focar em saber que ela é a nossa amorosa Mãe. É importante ressaltar isso, porque por vezes estamos conscientes que de Maria é a criatura perfeita de Deus que intercede por nós, que é a Imaculada Conceição, a medianeira de todas as graças, que é a mãe de Deus. Mas, esquecemos que ela é também a nossa boa Mãe.

É bem verdade que todos esses títulos são verdades de fé inquestionáveis, e que é bom e necessário que creiamos neles, mas Nossa Senhora só é medianeira porque é Mãe de Jesus e nossa Mãe. Só uma mãe é capaz de sentir a dor do filho, de olhar por ele e ir além das aparências. Além do mais, a Virgem Maria não é nossa Mãe porque ela mesma quis assim, mas foi o próprio Jesus quem a entregou a nós no alto da cruz: “Eis aí tua mãe” (Jo 19,27) O Senhor em seu infinito amor sabia que precisávamos ser guiados no caminho da cruz por uma mãe e mestra. A Virgem Santíssima nunca desampara os seus filhos quando estes clamam por ela. Devemos fazer como João fez, e acolhê-la em nossa casa, casa que é o nosso coração.

Jesus, sendo o próprio Deus, quis ter uma presença materna, porque então nós resistimos tanto em precisar dessa boa Mãe? Nós precisamos, a exemplo do Salvador, sermos gerados no ventre da Virgem, fazendo com que toda deformidade do pecado vá sendo apagada para sermos formados e nos assemelhemos cada vez mais a Cristo. Quando nós nos achegamos a ela, ela nos molda ao seu Filho Jesus, e quando nós nos confiamos a ela, ela automaticamente nos confia a Deus, porque ela não retém nada em si mesma, mas tudo entrega a Deus.

Não tenhamos medo de recorrer a Virgem do Silêncio, porque ela nos ama ternamente e tudo o que deseja é nos levar a Deus. São Luís Maria Grignion de Monfort afirma no seu livro do “Tratado da verdadeira devoção a Virgem Maria”: “Ela os ama ternamente, e com mais ternura que todas as mães juntas. Juntai, se puderes, num só coração de mãe e para com um único filho, todo o amor natural que as mães do mundo inteiro têm pelos seus filhos: certamente essa mãe amará muito seu filho. No entanto, verdade é que Maria ama ainda mais ternamente seus filhos do que aquela mãe amaria. Ela não os ama apenas com afeto, mas também com eficácia.” (TVD 202)

O santo coloca muito bem que Maria nos ama com afeto e eficácia, ela não apenas nutre sentimentos por nós, mas se move por amor, e, se nós permitirmos, nos levará por via mais segura para junto de Deus, com o seu auxílio seremos muito mais fiéis a Deus, e ao passarmos pelas tribulações da vida, ela não permitirá que se perca nenhum de seus filhos. A Santíssima Virgem é uma via rumo a Jesus, uma via rápida, segura e eficaz. Irmãos, não tenham medo de dispor desse presente precioso que o próprio Deus nos concedeu.

Tatiane Marques, vocacionada da Comunidade Católica Shalom, também participante da nossa Comunidade São Vicente.

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Grupo de Oração São Vicente.

Seja bem vindo ao blog do Grupo de Oração São Vicente. O grupo de oração da Renovação carismática em Brasília DF.